Caso você não visualize as animações corretamente, clique aqui para fazer o download do plugin do Flash.

BM&F Bovespa

Notícias

Sul-Americano Sub-23

Izabela Rodrigues da Silva conquista dois ouros no Sul-Americano Sub-23


Atleta de 21 anos foi campeã do arremesso do peso e do lançamento do disco na disputa realizada em Lima, no Peru; Clube teve mais três campeões: Ricardo Mário de Souza, Alexander Russo e Fernando Ferreira


Agência Luz/BM&FBOVESPA
Izabela Rodrigues da Silva, campeã do arremesso do peso e do lançamento do disco no Sul-Americano Sub-23 no Peru


São Caetano - Izabela Rodrigues da Silva, de 21 anos, conquistou duas medalhas de ouro no Campeonato Sul-Americano Sub-23, disputado de 23 a 25 de setembro de 2016 em Lima, no Peru. A jovem atleta venceu o arremesso do peso (16,25 m) e o lançamento do disco (53,04 m), prova em que foi campeã mundial juvenil em 2014.


Além de Izabela, outros três atletas do Clube de Atletismo BM&FBOVESPA foram campeões no Peru. Alexander Russo, que disputou a Olimpíada do Rio, venceu os 400 metros (47s07); Ricardo Mário de Souza, também olímpico, foi ouro no 4x100 m (39s86, junto de Derick Silva, Rodrigo do Nascimento e Gabriel Constantino) e bronze nos 100 m (10s47); e Fernando Carvalho garantiu o título no salto em altura (2,20 m).


Jovens integrantes dos núcleos de categorias de base apoiados pela BM&FBOVESPA também se destacaram no Campeonato Sul-Americano. Os integrantes do Instituto Elisângela Maria Adriano (IEMA), baseado em São Caetano do Sul, conquistaram quatro medalhas. Pedro Luiz Barros, do lançamento do dardo, foi ouro com 71,84 m. Juliana de Menis Campos, do salto com vara, também foi campeã sul-americana com 3,90 m. Bruno Germano Spinelli, do salto com vara (5,00 m), e Douglas dos Reis, do lançamento do disco (52,76 m), foram vice-campeões. 


Já o Instituto Vanderlei Cordeiro de Lima (IVCL), de Campinas, teve Daniel Ferreira do Nascimento como campeão em duas provas: 5.000 m (14min27s78) e 3.000 m com obstáculos (9min05s40). Wellerson Falcão Vivi foi bronze nos 1.500 m (3min56s84).


Esses resultados ajudaram o Brasil a manter a hegemonia continental no torneio. Com 42 atletas (22 homens e 20 mulheres), a equipe brasileira somou somou 307 pontos - o Equador ficou em segundo lugar, com 212, e a Colômbia, em terceiro, com 178.



Voltar à Home
Ir para o Topo
Copyright © 2010 Clube de Atletismo BM&FBOVESPA. Acesse e conheça o Instituto BM&FBOVESPA. Termos e Condições.
Content Stuff